Buscando dentro de cada uma de nós a noção do que é essa parte constituída pela velha. A Grande Sabia que habita dentro de nós. Aquela, que contêm dentro de si, a malandragem, dinamismo e capacidade de renovação da Donzela, que também é Amante/Mãe, ou seja, sabe como nutrir, como fertilizar, como tornar tudo abundante dentro e a sua volta e como seduzir e utilizar-se da sua natureza sexual e erótica, assim, como também é a Feiticeira, aquela que cria, imagina, transforma e usa dos seus vários níveis de compaixão. Mas, acima de tudo, e por causa de todas essas outras facetas, ela é, principalmente, a Velha, a Bruxa, a Sábia. Por quê? Porque já tem o conhecimento dessas três faces e manifestações do feminino dentro de si, e pode usá-las como desejar, quando desejar e da forma que desejar. Porque a Bruxa já sabe. Porque a Bruxa já viu de tudo. Porque a Bruxa já teve que ir para dentro de si, buscar seus próprios recursos interiores para se virar na vida. Para resolver. Para cuidar. Para manter. Para conquistar. Para recomeçar. Para morrer. E tantas outras vezes renascer. Para acertar mais. Para se preservar. Para ensinar. Para usar mais da sabedoria de tudo que já viveu, em tudo que está vivendo agora. Porque ela já viu de tudo. Porque ela já fez de tudo. Porque ela já sabe o que dá errado e o que dá certo. Porque ela já não está mais dependente ou vulnerável ao meio para viver. Ela é. Ela sabe quem é. Ela sabe o que precisa ser feito. Ela, verdadeiramente, sabe do seu próprio poder. É a Velha. É a Bruxa. Ela é o verdadeiro sinônimo de empoderamento, protagonismo e soberania. Porque Ela já Sabe.

Oremos juntas:

“Hek, Hecas, Hecate,
Ajude-me a ser forte.
Ajude-me a olhar para dentro de mim
Encontrar-me com minha verdadeira face
Com aquilo e aquela que Sou
Verdadeiramente SOUL.

Hek, Hecas, Hecate,
Através do seu manto escuro
Adentro minha verdade
Minha sobriedade
Minha Velha Conhecida

Aquela que preciso ouvir
Aquela que precisa falar
Aquela que precisa agir
Aquela que precisa experimentar
Aquela que precisa sair

Hek, Hecas, Hecate
Que através do seu caldeirão
Eu possa finalmente encontrar
O meu caminho
Aquela caminho que sempre precisei caminhar
Meu caminho de bem-aventurança

E que minha caminhada
faça com que outras façam o mesmo

Por todas as mulheres
Por Elas!
Blessed Be!
Que assim seja!”

Copyright © Todos os direitos reservados.

ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é protegida por LEI.

Para usar este texto entre em contato com a autora.

Pin It on Pinterest

Share This