Eu invoco o ar!

Eu invoco o poder dos ventos para levar embora minhas confusões e pensamento negativos.

Vento, purifique-me!

Vento, leve embora o que me sobrecarrega e o que obscurece minha visão!

Eu invoco os Silfos!

Peço que inspire-me e clareie meus pensamentos.

O que eu preciso saber?

O que eu preciso aprender?

O que eu preciso descobrir?

O que eu preciso entender?

Ventos, brisas, traga-me novos ares!

Ajude-me a ouvir, a entender, a saber e compreender as respostas que tanto busco.

Ajude-me a inspirar-me e instruir-me.

Eu invoco o poder da liberdade!

Liberdade de pensamentos! Liberdade de condicionamentos! Liberdade de padrões mentais!

Agora, sou livre!

Inspiro e expire novidades e recupero as forças perdidas

as inspirações esquecidas

a vida que precisa ser vivida!

Hoje, redescubro meus segredos,

compreendo meu poder mental

e reconstrua minha vida!

Eu invoco os poderes intuitivos!

Eu invoco os poderes mentais!

Eu invoco o desenvolvimento psíquico!

Eu sou ar.

Eu sou vento.

Eu sou redemoinho.

Eu sou furacão.

Eu sou os ventos da transformação.

Aqui, em mim, nenhuma energia desqualificada permanece.

Vento, vento meu,

Preencha-me de amor, de luz e de discernimento.

Com esses três pilares sigo confiante e segura!

Que assim seja para mim,

Que assim seja para você,

Que assim seja para nós!

 

Imagem: faerywitch
_________________________________
Copyright © Todos os direitos reservados.
ATENÇÃO: A reprodução parcial ou total deste texto é protegida por Lei.
Para usar este texto entre em contato com a autora.

Pin It on Pinterest

Share This