CONSELHO DAS MULHERES SAGRADAS DA TERRA

O CONSELHO DAS MULHERES SAGRADAS DA TERRA é um movimento que surgiu dentro de mim após uma aula de Hécate dentro da Jornada da Heroína pelas Deusas e Sagrado Feminino, do Círculo de Mulheres, onde trabalhamos a Cura das Avós. Senti como uma grande necessidade e que precisaria ser compartilhada com todas as mulheres. Meu desejo mais profundo é que a cada dia mais mulheres unam-se a esse movimento. Para que mais mulheres se unam a teia invisível do Feminino Sagrado que liga a todas, e que pode vir a ser nosso maior meio de cura.

cropped-528236_563116173749606_1602406781_n.jpg

O convite é para que em todas as Luas Novas, as mulheres parem às 22 horas para meditarem por todas as mulheres da terra, com um grande porém. Essa meditação tem duas etapas. Na primeira, somos convidadas a chamar, através do tempo e espaço por todas as nossas ancestrais, em retroativo e adiante de nós. Para que toda a nossa ancestralidade materna possa se juntar em um grande conselho, como nas tribos, e que assim, possamos receber as instruções daquelas que sabem mais do que nós. Um momento para curarmos karmas de família, feridas do feminino e a carga familiar que possa existir dentro de nós. Uma forma de reconhecermos que todas as nossas ancestrais estão em nós e que nós estamos nelas. Para que assim, possamos começar a curar e libertar cada mulher que já existiu e aquelas que ainda virão. É uma meditação para todas as nossas relações. Para voltarmos às raízes e ao princípio de tudo e limpar nossa história. Para podermos ser verdadeiramente livres, honrando nossa história e abrindo os caminhos para as futuras gerações. Assim, como também é uma forma de pelo menos no plano astral, voltarmos a sermos uma grande família. E percebermos que não estamos sós. Que junto de nós, estão todas essas mulheres, hoje e para todo sempre.

bruxa e isis

Na segunda etapa desta linda meditação e após termos recebidos as mensagens das nossas ancestrais e buscado pela Cura de todas elas e nossa com o auxílio da Deusa Ísis e sua magia forte e curativa, iremos um pouco mais além. Vamos convidar todas as deusas do universo para ouvirem o nosso chamado. Para voltarmos para casa. Para voltarmos para nosso lar. Para voltarmos a matéria da qual somos feita. Para voltarmos e lembrarmos quem somos através de cada deusa que fora, representa uma parte de nós. Vamos atrás de uma dádiva, de uma medicina e de uma bênção das deusas para nossas vidas. Uma etapa de empoderamento feminino.

Finalizando a meditação compartilhando esses presentes com a Terra, com todas as mulheres e com o Universo profundo da criação da qual a Deusa faz parte, de onde tudo veio e para onde tudo virá. Aqui, formamos uma grande teia invisível aos olhos, mas perceptível ao plano sutil, onde cada mulher se encontra, onde cada poder se fortalece, onde cada alma feminina desperta para quem é.

Meu convite é para que você, onde estiver junte-se a mim e às mulheres deste mundo. Eu quero que com essa meditação você sinta na pele que não está só. Que podemos estar realmente juntas, se assim for seu mais profundo desejo. Porque este é o meu. Para que nenhuma mulher não se sinta mais abandonada e nem sozinha. Que possamos estar lá para levantar aquela que cai, para amparar aquela que chora, auxiliar aquela que se desespera, olhar para aquela que se esqueceu de si, dar as mãos para aquela que precisa de força para superar um obstáculo, uma perda ou transição, e estar ao lado daquele que pensou que nunca mais viveria aquilo que pulsa em sua alma. Assim, como estarmos junto daquela que ri, daquela que tem sua voz ouvida pelo mundo, daquela que alcançou seus sonhos, daquela que vive sua vida em total verdade. Por todas. Por todas. Por todas.

Então, toda noite de LUA NOVA e noite de nos juntarmos, onde estivermos às 22h acompanhe a meditação através do audio abaixo. Estaremos juntas:

Pin It on Pinterest

Share This